Bodas de papel e um desabafo

03 de março de 2012, aeroporto internacional Castro Pinto, João Pessoa. Cheia de sacolas nas mãos e uma mãe angustiada ao lado. Entrei naquele avião como o sentimento de “é agora ou nunca”, cheguei no Rio com a sensação de que tudo seria lindo.

Na minha cabeça passavam muitas histórias, brigas e pessoas que deixei para trás, sim, todas elas. Principalmente aquelas que nunca acreditaram em mim e sempre tiveram o prazer de me ver cair, que tentaram me humilhar, que me julgavam. Até aquelas que eu nem conhecia, mas que me conheciam por um ouvir falar. Era aquela menina chata e fresca, briguenta e intrometida que plantava o mal e que nunca conseguiria nada mais além da discórdia. Essa galera parece que não sabe que o combustível do teimoso é a torcida contra.

Durante aquelas 3 horas de voo, eu chorei vendo João Pessoa para trás, chorei quando vi Recife do alto e fixei meus olhos no céu quando nada mais era visto. Foi difícil foi, ainda está sendo, está. Mas o frutos começam a surgir depois de 1 ano e me deixam feliz. Essa semana o editorial que eu fiz com a minha chefe saiu no Globo.com e outra foto foi publicada na Revista Contigo. Não ganhei uma ruela por isso, nem muito menos os créditos devidos mas po, bizarro né? Nunca pensei… UPDATE! Creditaram sim! :)

Flavia Sampaio Powerlook  Editorial 16 edit

Minha foto favorita :)

O que eu acho engraçado de tudo isso é que não adianta eu tentar planejar minha vida, porque Deus sempre chega e diz: ei mocinha, pra esse lado! Me tangendo, eu, o caranguejo nervoso. Não vou nem citar meus antigos planos porque os comentários que eu provavelmente terceria sobre eles levantaria a ira de muita gente, mas eram medíocres, pequenos.

Nunca pensei em morar no Rio, nunca associei essa cidade com minha carreira profissional. Nunca tive pretensões em trabalhar com fotografia, apesar de adorar. Nem muito menos me imaginei na casa de Eike Batista pra fazer o editorial que citei… é estranho, de repente você está dentro de um mundo muito distante! De repente você tem contato com revistas como L’officiel ou Vogue, de repente o pessoal do ego.com está roubando suas fotos sem credita-las e de repente, espero um dia, me encontrarei não estranhando tudo isso e me sentindo em casa, no Leblon de preferência.

Sim, o Rio está me fazendo muito bem. Aqui eu posso fazer o que sei fazer e ser remunerada por isso, aqui eu posso falar alto no bar ou andar de short jeans e havaianas no shopping porque ninguém vai me julgar por isso. Sabe o que é melhor? Aqui eu posso crescer e é por isso que o Rio tem me feito bem.

Nesse domingo de mazela eu tinha um TCC para terminar, mas futucando o meu instagram decidi pegar algumas fotos e fazer um videozinho, bem simples, bem besta mas que me fez sorrir do início ao fim. Percebi que esse ano não foi tão ruim assim, que o pesadelo que vivi nem foi tão grande e que eu conheci pessoas fantásticas, eu não parei de sorrir um só minuto.

Aos que lá ficaram, sei que muitos ficam felizes com meu sorriso bobo e sincero mas aos outros que não compartilham desse sentimento eu digo: Hoje faz 1 ano de que eu cheguei aqui e da janela do meu quarto escuto um samba vindo do bar la debaixo, que diz: “É Deus quem aponta a estrela que tem que brilhar.” (não vocês.)

#FIKDIK

Anúncios
Publicado em: Rio

7 comentários sobre “Bodas de papel e um desabafo

  1. Dudah Cavalcanti. disse:

    Becca, eu me identifico muito com seu texto. Passo exatamente por isso e sei que um dia minha hora também vai chegar, de fazer o que sei e ser remunerada por isso… Fico verdadeiramente feliz pelo seu sucesso e espero que um dia o seu nome esteja abaixo da foto (sei bem o que é isso) das revistas. Quando for ao Rio novamente vou ver se eu ligo para o celular certo. Hahaha. Beijos.

  2. Lydia Soares disse:

    Adorei o texto, adorei o vídeo, as novidades, e principalmente ADOREI saber que vc está bem, no caminho certo e fazendo aquilo que gosta. Sucesso. Bjos

  3. Igor Costa disse:

    EITA PORRA !!! ERA ESSA REBECCA QUE EU ESTAVA ESPERANDO DE VOLTA! FICO MTO MTO MTO FELIZ POR ISSO, QUE VC CRESÇA CADA DIA, CADA HORA MAIS, E SÓ NÓS SABEMOS QUE FAZER ISSO EMBAIXO DOS BRAÇOS DO CRISTO REDENTOR É MUITO MAIS FÁCIL, NÉ? RS

  4. Thayse Lucena disse:

    Rebecca
    Deus vê o início, meio e fim de nossa estrada…Se ele nos faz ir por um caminho diferente daquele que achávamos que era o melhor, certamente é porque Ele sabe que nossa felicidade não estaria ali. Dia desses fiz um desabafo no blog, também por uma mudança radical de vida e, o que tenho a dizer hoje e em todos os dias é: “Em tudo, dai graças a Deus”. Se vc está seguindo este novo caminho, é porque você tem muito a crescer e a ganhar como pessoa!
    Sei que chegará o dia em que verei nos créditos: Fotos – Rebecca Cirino! E vou ficar muito orgulhosa porque, mesmo sem ser sua amiga próxima, torço por você e admiro sua coragem e determinação! Entregue-se: de corpo, alma e coração, ao nosso Pai e Ele continuará conduzindo você por um caminho de paz, luz e felicidade!
    Que venham as bodas de ouro!!
    Beijo.

    • Juliana Morais disse:

      . Que Deus continue mostrando o caminho que vc deve seguir e continue te abençoando. Estamos aqui torcendo e esperando a foto com seus créditos, esse dia chegará e agora ta mais perto que longe :). Sei quem ficaria muito feliz por suas conquista e qndo vi o vídeo lembrei dele… Adorei video, matei a saudade hehehehehe. Desejo muito mais bodas de trabalho, dedicação e presença de Deus. Se cuida e conta com a gente. Bjao Ju Morais

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s