Me perdoe pela ausência

As vezes preciso ir e te deixar aqui, por várias vezes te deixei aqui e lá… E foi fácil não ter sempre nossos lugares para me fazer lembrar aqueles sorrisos, era tudo novo, claro que seria fácil. A vida sempre me deu a oportunidade de fugir de situações complicadas e talvez inviáveis mas que me fizeram feliz. Não me arrependo de te deixar, logo depois vi que foi a coisa certa a se fazer… quer dizer, como seria se eu não tivesse te deixado?

1halfoffcandyday

Não sei você mas eu estou cansada de ter que reagir de acordo com a vida que já foi traçada mas que escolha eu tenho? Não sou dona nem de mim… Quando penso que tudo está sob controle, o futuro se esconde atrás da porta e toda vez que eu entro em casa encontro ele sentado no meu sofá rindo daquele balde de água fria que ele colocou na porta e acabou de cair na minha cabeça #troll

Sabe… Memórias me machucam e por isso fugir delas é meu melhor remédio. Lembrar que o tempo não irá voltar é tão agonizante quanto fechar os olhos depois de 3 copos de vodka e ver o mundo rodar, daí, deitada na cama, a gente abre o olho e procura um ponto para focar e tentar ficar bem, se recompor. Esse foco te da rumo e te ocupa em não prestar atenção ao mundo que tá muito doido lá fora, às 3 da manhã.

AUSÊNCIA
Por muito tempo achei que a ausência é falta.
E lastimava, ignorante, a falta.
Hoje não a lastimo.
Não há falta na ausência.
A ausência é um estar em mim.
E sinto-a, branca, tão pegada, aconchegada nos meus braços,
que rio e danço e invento exclamações alegres,
porque a ausência assimilada,
ninguém a rouba mais de mim.
Carlos Drummond de Andrade

Sobre você que eu não entendo, sobre você que faz tanto tempo, sobre você que tive que me afastar, sobre você que ainda produz esperanças e até sobre você que me empurrou de um penhasco e eu tive que aprender a voar… Aprendi que: Experiências produz resiliência, e aprendizado, experiência. Então serei brave/breve, take care.

E sofro de distância, sinto lonjuras.  E então, aprendo a ficar sozinha. E para isso, tenho que cuidar da minha saúde mental e física, onde o pote de Nutella faz bem a minha saúde mental mas danifica o meu físico. Ainda não consegui achar nada que danifique a minha mente e faça bem ao meu físico, talvez o amor.

Eu não me perdoo pela minha ausência mas te perdoo pela tua.

 :(

Anúncios

Um comentário sobre “Me perdoe pela ausência

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s