Do you ever miss yourself?

Pessoas não mudam mas tem um poder extraordinário de nos transformar.

Se eu posso deixar um legado na vida de vocês, seria esse.

As vezes a gente cansa. Da gente, dos outros, da vida… da vontade de morrer um pouquinho. Da vontade de dizer PARA ESSE SAMBA QUE EU VOU VOMITAR!!! Daí o samba não para, porque ele não é obrigado a nada, e a gente vomita, vomita na cara de Juliana,  que tava ali so procurando seus óculos, completamente perdida mas adorando a sua companhia. Mesmo toda vomitada Juliana se diverte.

Juliana te chamou pra ir no samba com ela e você foi, sem saber que aquilo te faria um mal enorme. “Ninguém me avisou!!” Mas te fez vomitar várias vezes, duas vezes. “Po Ju, me ajuda aí, pede pra esse cara parar essa merda, me ajuda aqui, to toda melada!” Juliana, apenas se-di-ver-te.

Aí num instinto de sobrevivência tu pula fora daquele brinquedo escroto, se machuca pra cacete e vê de longe Juliana curtindo o samba com os que ficaram… beleza. Passa uns dias de repouso não querendo nunca mais entrar num  parque de diversões nem muito menos olhar na cara de Juliana que ficou la no looping eterno do eterno nada. Mas aí amores, o tempo passa, as feridas que doeram tanto param de sangrar porque tua mãe disse pra parar de futucar a pereba e você parou. Ficam só cicatrizes e você passa na frente do parque de diversões e sorri… e alguém te convida pra entrar… e você entra, mas dali você ja sabe, no samba ela não vai, vai não.

Eu não sei porque eu escrevi esse texto, só sei que senti a necessidade de coloca-lo aqui. Fica aqui a lição de uma pessoa que também ja foi machucada, que pulou pra sobreviver, se machucou  e voltou ao parque de diversões. Se eu tivesse ainda de repouso, catucando minhas feridas, não estaria conhecendo outros brinquedos que me deram muito medo mas tanto momentos divertidos. Anos depois Juliana ainda esta rindo com os outros como eu a deixei, ainda ri das pessoas que ela convida para o samba e eu assisto de longe o seu eterno looping no eterno nada.

Mudei de canal porque eu não preciso disso.

Nem você.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s